Notícia no site da OAB Paraná.



A sócia Teresa Arruda Alvim junto com os juristas Betina Grupenmacher e José Miguel Medina, a pedido da OAB paraná, apresentaram pareceres sobre a existência (ou não) de preferência dos créditos decorrentes de honorários advocatícios (contratuais e sucumbenciais) sobre os créditos tributários.


Leia a notícia completa pelo link: https://bit.ly/2ZU5dia